Dicionário da Televisão Brasileira

Disponibilidade: Em estoque

De: R$49,90

Por: R$19,90

Dicionário da Televisão Brasileira

Detalhes

Autor: Thell de Castro

Editora: In House

Formato: 18 x 26 cm

Nº de páginas: 272

Mais de 3.000 verbetes cuidadosamente selecionados e intensamente pesquisados, desde TV na Taba, primeiro programa a ir ao ar pela TV Tupi, em 1950, até Sete Vidas, a nova novela das seis da Rede Globo. Assim podemos sintetizar o Dicionário da Televisão Brasileira, obra que o jornalista Thell de Castro lança no próximo dia 16 de março, em São Paulo (SP), pela editora In House.

“O Dicionário será o primeiro de vários livros que estou preparando sobre o passado, o presente e o futuro deste fascinante veículo. É também um sonho que se torna realidade após anos de pesquisas e estudos”, destaca o autor, que tem 31 anos, mora na capital paulista, e, desde criança, sempre foi aficionado por televisão, passando a colecionar tudo o que é possível, como vídeos, discos, revistas e livros.

“Desde que comecei a cursar jornalismo, em 2001, levei esta paixão para os campos acadêmico e profissional, produzindo materiais e sites sobre o tema. Isso tudo resulta, agora, neste primeiro livro”, completa.

O Dicionário da Televisão Brasileira lista, de forma prática e objetiva, os principais elementos que marcaram a história do veículo, desde 1950 até os dias de hoje, com o intuito de oferecer a mais precisa informação sobre cada um dos verbetes. São apresentadas, por exemplo, algumas datas de estreia e de término de atrações que, até então, ainda não tinham sido catalogadas ou são alvo de discussão até hoje, entre outras novidades.

Os verbetes, divididos de A até Z, englobam as produções, como novelas, séries, programas de auditório, telejornais, programas jornalísticos, humorísticos, esportivos e infantis, com data de estreia, data de término, emissora, equipe, destaques e curiosidades em geral; e as pessoas, como artistas, autores, jornalistas, diretores e personalidades, apresentando nome completo, data de nascimento, local de nascimento, principais personagens ou obras, curiosidades e, caso já tenham falecido, tais dados também.

“Evidentemente que não estão listadas exatamente todas as produções e pessoas que participaram, de alguma forma, da história da televisão brasileira, já que seriam necessários vários volumes para tal. Mas fiz de tudo para apresentar a maior parte delas”, explica Castro.

Neste primeiro número do Dicionário da Televisão Brasileira, é destacada a história da televisão aberta em âmbito nacional. Nos próximos volumes, além de atualizações e novas produções e pessoas que surgirem, serão apresentados verbetes de emissoras de TV por assinatura e também locais, entre outras pesquisas que já estão em desenvolvimento.

Sobre o autor

Thell de Castro nunca teve dúvidas sobre seu futuro profissional: desde criança já dizia que seria jornalista. Desde então, é aficionado por história da televisão e dos esportes, principalmente o futebol, colecionando tudo a respeito destes temas.

Já criou sites e publicações sobre história da televisão, além de ministrar cursos, palestras e prestar consultoria sobre o tema. Além de pesquisador, é repórter e apresentador e também atua com comunicação empresarial.

Mais informações: (11) 2640-5685 / thell@tvhistoria.com.br

Tags do Produto

Editora In House
Delicious
Technorati
My Yahoo!
Digg
Google Bookmarks
Indique este produto