Parque dos Sonhos

Disponibilidade: Em estoque

De: R$99,90

Por: R$50,00

Parque dos Sonhos

Mais Visualizações

Detalhes

 

Parque dos Sonhos - Fernando Razzo Galuppo e José Ezequiel de Oliveira Filho
176 páginas / com cadernos coloridos de fotos históricas

 

Estadio Palestra Italia é retratado em livro

Edição bilingue produzida pela In House Editora retrata a trajetória da praça
esportiva desde o início do século XIX até a fase moderna da nova Arena no século XXI

Berço da primeira partida do futebol oficial no Brasil em 1902, a obra “Parque dos Sonhos” retrata os feitos históricos, evoluções arquitetônicas, jogos, marcas, recordes, estatísticas, fotos inéditas e curiosidades do Estádio Palestra Italia, ao longo dos tempos.

Organizado por  Fernando Razzo Galuppo e José Ezequiel de Oliveira Filho em parceria com a editora In House, o livro conta com riqueza de detalhes, fruto do exaustivo e metódico trabalho de pesquisa dos autores.

“O Palestra Italia precisava ter um registro para a posteridade de suas fases e momentos.  O local trata-se de um dos únicos espaços esportivos do século XIX que se mantém ativo e atualizado na grande metropole paulista, que a cada segundo despreza as suas referencias históricas”, diz Fernando Galuppo.

O livro surgiu de um bate-papo informal entre os autores. “Como pesquisadores da história do futebol, em especial, das coisas do Palmeiras, sentiamos a falta de um trabalho organizado que pudesse contar a história da casa palmeirense. Quem era o maior artilheiro? Quais foram os grandes momentos e mudanças? Qual foto mais marcante? Quantos títulos foram conquistados? Eram algumas questões que tinhamos e como resultado surgiu esse lindo trabalho”, comenta José Ezequiel de Oliveira.

Localizado no bairro da Água Branca, o Parque Antartica ocupava uma área de cerca de 20 alqueires e foi fundado em 1891 pela Companhia Antarctica Paulista, fundada naquele mesmo ano, que havia adquirido o terreno para a instalação da sua fábrica de cerveja. O local se transformou numa referencia de recreação e divertimento, sendo palco, entre outros das primeiras partidas de futebol da pauliceia.

Em abril de 1920, o Parque Antartica foi comprado pelo Palestra Italia, naquilo que ficou conhecido como a loucura do século. “Foi uma ousadia que causou um grande espanto nos meios esportivos e fora dele. Guardadas as devidas proporções, para se ter noção do empreendimento, nos dias de hoje era como se um grupo de jovens que recém fundaram um clube planejassem comprar o Parque do Ibirapuera para construir e edificar a sua sede esportiva. Esse sonho virou realidade e vive intensamente por quase um século”, explica Galuppo.

De lá para cá, a praça esportiva teve diversas melhorias e mudanças em sua estrutura física. “A primeira grande construção podemos verificar nos anos 30, quando o estádio passou a ter arquibancadas de concreto armado, a primeira do genero em São Paulo. Depois, a construção do Jardim Suspenso, nos anos 60. E mais recentemente uma arena Multiuso. Isso demonstra o pensamento de vanguarda que norteia os palestrinos, ao longo dos tempos”, lembra Ezequiel.

Com 178 páginas, rico em fotos, colorido e papel nobre, a montagem e diagramação do livro ficou por conta de Márcio Martelli. “Foi um trabalho apaixonante. Envolvi-me nessa linda história e não há como não se emocionar por cada momento”, fala.

 

O trabalho conta ainda com prefácio do ministro Aldo Rebelo e texos dos jornalistas Adriano Pessini e Rodrigo Barneschi, entre outros. Tudo em dois idiomas:  inglês e português. “Era imprescindivel a obra ser bilingue, pois essa historia ultrapassa os limites de um clube ou de espaço. É o registro de um local que guarda memorias e sentimentos, que merecem ser preservados pelas futuras gerações, em todo canto do mundo”, finaliza Ezequiel.


Tags do Produto

Editora In House
Delicious
Technorati
My Yahoo!
Digg
Google Bookmarks
Indique este produto